Vidago FC 7-0 FC Fontelas

Vidago FC marca 7. Estreia grandiosa numa tarde de muitos golos

Vidago FC 7-0 FC Fontelas

Foram sete!! mas podiam ser muitos mais. Com um ritmo demasiado intenso os alvinegro não deram hipóteses ao Fontelas que bem fechados no se reduto apenas conseguiram resistir cerca de 30 minutos à avalanche ofensiva dos Vidaguense.

A história do jogo é a história dos golos. Fazendo uma circulação de bola muito rápida e com mudanças de flanco que desequilibraram o posicionamento do adversário, foi apenas uma questão de tempo para os golos aparecerem. Os primeiros recados de Pedro Adão para os seus pupilos, deixaram antever o que iria acontecer pouco depois. E de facto aos 32 mt Edu Paiva inaugura o marcador no João de Oliveira.

Primeiro jogo, primeira vitória, primeira goleada, mas a verdade é que este triunfo foi diferente nos dois períodos pelo facto de, com quarenta e cinco minuto de jogo, os alvinegro venciam apenas por um golo de diferença. Foram 45 minutos de desacerto dos dianteiros do Vidago que estiveram sempre por cima no jogo, e onde ia valendo a boa atuação do guardião do Fontelas e a total inoperância dos dianteiros da casa que dispuseram neste primeiro período de uma boa mão cheia de oportunidades para matar a partida nos primeiros quarenta e cinco minutos.

Mão cheia mais "um" na 2ªparte 

Passavam poucos minutos do reatamento quando Rafa muito perdulário na primeira metade, bem ao seu jeito, aos 50 mt pega na bola passa por vários adversários e remata  imparável para o guarda-redes do Fontelas: 2-0.

Definitivamente, o jogo estava diferente. Rafa voltou a tentar a sua sorte, mas, pouco depois, foi Castelo outro que na primeira metade esteve com muita pena do guardião Diogo Osório, que á passagem do minto 57 fez o gosto ao pé e amplia para 3-0. Os Vidaguenses continuavam a mandar no terreno perante uma equipa que poucos ou nenhuns argumentos tinha para contrariar o caudal ofensivo dos donos da casa e foi sem qualquer supressa que quando o cronometro assinalava o minuto 76, Portal um defesa central de raiz, aparece dentro da área e sem dificuldade aumenta para 4-0.

Entretanto já Pedro Adão tinha mexido na equipa fazendo entrar Fábio Alex para o lugar de Herman, Hélder para render Castelo e Guedes para o lugar de Bruno Carvalho. Com maior frescura na equipa os Vidaguenses construíram mais uma serie de boas oportunidades e aos 80 minutos Edu Paiva volta a faturar marcando o quinto golo da sua equipa segundo na sua conta particular mas as coisas não ficaram por aqui já que o endiabrado Hélder que tinha entrado com a mira afinada, aos 81 e 89 mt apontou mais dois golos para a sua equipa e fechando a contagem em 7-0.

A jogar confortável e quase sem oposição, o Vidago não teve dificuldade em gerir o jogo até ao apito final e terminar com  uma goleada que bem podemos chamar das antigas.

Excelente exibição e ótimo arranque de campeonato. Num jogo em que os Vidaguenses poderiam ter alcançado uma vitória histórica tal foram as oportunidades criadas e não concretizadas. Quanto à arbitragem, liderada por Alexandre Cardoso, apenas dizer que este era o comentário que gostaríamos de repetir muitas vezes durante a temporada.  Excelente Trabalho.

 

Ficha de Jogo

Campo João de Oliveira

Vidago FC: Vieira, Márcio, Portal, Rendeiro, Daniel, Nacho, Bruno Carvalho, (Guedes) Rafa, Edu Paiva, Castelo  (Heder) e Herman (Fábio Alex).

Treinador: Pedro Adão

FC Fontelas: Diogo Osório, Zé Miguel, Hugo Ermida, Rubem, Gilson, Sérgio, Roberto, Saraiva, Bruno Guedes, Ricardo

Treinador: Diogo Jesus

Marcadores: Rafa (1), Edu Paiva (2) Castelo (1) Portal (1) Hélder (2)

 

 

2016-09-18
Autor: Augusto Oliveira
Voltar