Vidago FC 0-0 Abambres SC

Vidago FC não vai além de um nulo em casa contra o Abambres SC

Vidago FC 0-0 Abambres SC
Vidago FC 0-0 Abambres SC
Vidago FC 0-0 Abambres SC
Vidago FC 0-0 Abambres SC

Depois da pausa da época natalícia e ano novo, é retomada a divisão de hora da A. F. Vila Real, coube à equipa da vila termal, muito desfalcada, de 5 habituais titulares receber a equipa Abambrina, que tem vindo a subir na tabela classificativa.

O jogo começou muito trabalhado a meio campo, e as equipas quase sempre longe das balizas adversárias, no entanto, com o decorrer do jogo o Abambres mais intrusado, fruto das muitas alterações que o mister Pedro Adão se sentiu obrigado a fazer, foi conseguindo jogar mais no campo dos homens da casa, mas apenas ao minuto 34 conseguiu criar perigo na baliza Vidaguense, e logo com dupla oportunidade, quando Tiago Nóbrega isolado, permite defesa com os pés de Vieira, na recarga foi Palavras que com um forte remate encontrou novamente Vieira a desviar por cima da barra.

O Abambres sentia-se mais confiante, com o Vidago apenas a espaços conseguir chegar à baliza adversária. O jogo não terminaria sem nova oportunidade dos forasteiras, quando Palavras consegue isolar Tiago, mas novamente Vieira a defender, sobrando a bola para a entrada da área onde surge novo remate, desta vez a bola embater com estrondo na barra.

Terminava o primeiro tempo, com o Abambres melhor no terreno de jogo, mas sem conseguir finalizar com êxitos nas oportunidades que dispôs.

O segundo tempo começa com nova oportunidade do Abambres e novamente Vieira numa excelente intervenção a evitar o golo. Respondeu prontamente a equipa da casa, com o recém entrado Edu, com um excelente passe a desmarcar Rafa, que devolve o esférico ao seu colega, e este na entrada da pequena da área importunado por um defensor contrário, conseguiu fazer o mais difícil e rematar por cima da área. A hora de jogo foi a melhor fase da equipa da casa, onde conseguiu equilibrar a contenda. Até ao final de jogo, foi o Abambres que por mais duas ocasiões esteve mais perto do golo, mas os valentes jogadores Vidaguenses, conseguirem chegar ao final do jogo com a sua baliza inviolável.

Terminava assim o encontro com um nulo, fruto da ineficácia dos dianteiros Abambrinos, e um guardião Vidaguense numa tarde inspiradissíma. Este empate acabaria por ser um ponto conquistado pelos comandados por Pedro Adão, que como já foi referido anteriormente, teve imensas dificuldades para apresentar um 11, dadas as limitações por castigo (3), outros por indisponibilidade física e ainda por impossibilidades profissionais.

Quanto à equipa de arbitragem, cometeu vários erros, em prejuízo de ambas as equipas, onde se destacam algumas grandes penalidade evidentes, que poderiam ter alterado o resultado final.

2017-01-08
Autor: MP
Voltar